Amor, sangre, psicopatia y caos

09:23:00

- Hoje não vamos entrar para jogar, vamos entrar para matar e para vencer.
Sábias palavras de um capitão argentino parecido com um narcotraficante colombiano na boca do túnel antes de entrar em campo para um clássico contra o maior rival. Também descreve a loucura e quase extrema raça do mesmo. A camiseta número cinco, antes já vestida por Falcão, de maneira refinada, naquele momento era vestida por alguém que roeria ferro e amputaria pernas adversárias com as travas da chuteira, caso necessário. Alguém ao ver minha descrição pode pensar que ele era um jogador violento. Não diria isso. Apenas detinha uma raça invejada. 

Foto: Telán
Pablo Guiñazu, El “Cholo” Loco, tem sua cadeira marcada na história do Sport Club Internacional como um dos maiores que aqui pisaram. Durante alguns anos foi a referência da torcida, capitão, aquele que sabíamos que sempre jogaria bem. Campeão da América, da Sul-americana, da Recopa, da Copa Suruga e tetra campeão gaúcho. Marcou.

Mas os deuses do futebol tem um lugar reservado no panteão dos grandes mestres para aqueles que vestem a camiseta do seu time com honra e vontade. Principalmente para os que voltam as origens e colocam em prática o seu trabalho dentro do seu grande amor. Foi assim com o Guina. Voltou para o seu clube do coração, o Talleres, que estava na série B há 12 anos. O resto da história foi belíssimo. O gol do acesso aos 49 do segundo tempo. Dele. Depois de sete anos sem marcar. De um simples humano, Guiñazu acendeu a glória num gol apoteótico. O que era do Cholo estava reservado. No último domingo, só teve o trabalho de ir buscar.

É bem provável que toda a vida dele tenha passado diante de seus olhos. E digo mais, passou diante dos meus. Vi a finalização celestial de uma carreira de doação e honra de um ídolo. E agora, quando vejo o vídeo de Guiñazu, na boca do túnel, dizendo que não entraria para jogar, mas sim para matar e vencer, compreendo que foi o que ele fez todos os anos, todos os jogos, todos os dias. Venceu. 





Siga no twitter: Inter VQTTV

Curta no Facebook: Inter VQTTV


Compartilhe isto

Posts Relacionados