Grêmio vence e convence!

20:00:00
Hoje, 24 de julho, o Grêmio recebeu na Arena o tricolor Paulista, São Paulo. Em um jogo bem movimentado e com placar - que não define o que foi o jogo - de 1 x 0, na briga dos tricolores, o Gaúcho venceu e convenceu.


PRIMEIRO TEMPO

O primeiro tempo do Grêmio foi primoroso! Ótima movimentação, boa troca de passes - passes diferenciados, triangulações no meio e no ataque com Bolaños, Negueba, Douglas e Everton, e uma defesa que não deixou passar praticamente nada. Os volantes seguraram a bronca e deixaram os "garotos" da frente livres para criar e avançar e assim foi: fazia tempo que não se via o Grêmio chutar tanto à gol, e fazer tantas jogadas de ataque. Denis foi o que mais trabalhou do time do São Paulo, e evitou que a bola entrasse, que foi o único "detalhe" que faltava para brindar esta primeira etapa.

Um salve para Negueba, que entrou no lugar do Giuliano, e foi um dos melhores jogadores da partida, tanto na criação, nos passes - abrindo o jogo, quanto na marcação. Outro que também fez esta função, e também entrou para substituir um dos grandes nomes do elenco, Luan, foi Bolaños. Claro, o Equatoriano dispensa comentários. E hoje mostrou que não há "descontentamentos", pelo menos não que interfiram no seu bom futebol.

Ainda no primeiro tempo, Everton sentiu e teve que ser substituído. Entrou Pedro Rocha.
(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

SEGUNDO TEMPO

Grêmio voltou com um pouco menos de ritmo de jogo, mas com a mesma intensidade de movimentação e marcação, e ainda os chutes à gol. Tanto que - aos 7 minutos da segunda etapa - Maicon chutou em cima do goleiro Denis, que rebateu e deixou a bola nos pés de Douglas, que só chutou pra dentro do Gol e abriu o placar!

Após o gol, Grêmio "tirou o pé" e São Paulo conseguiu mais posse de bola, mas nada de muita criação ou perigo. E ainda teve a expulsão do lateral Mena - que já tinha cartão amarelo, após matar uma jogada de ataque do Grêmio. Foi então que o Grêmio voltou a mandar no jogo, criar jogadas de perigo e tentar as finalizações. Edilson, Pedro Rocha, Bolaños, Negueba, Maicon. Todos tentaram, mas Denis tirou tudo que pode, além dos erros nas finalizações.

Após os 30 minutos do segundo tempo, o tricolor Gaúcho mostrava cansaço, e Roger decidiu mudar: tirou Douglas, autor do Gol, para entrada de Henrique Almeida, e tirou Negueba, para a entrada de Kaio. Ambos muito aplaudidos pela torcida!

O jogo terminou 1x0 mesmo, e não representa o que foi esta partida. Grêmio podia ter feito no mínimo 3 gols, e não teve nenhum perigo em sua área. Grohe mal trabalhou. Geromel e Wallace Reis tiveram algum trabalho, mas muito pouco. Iago não comprometeu e ainda jogou bem, claro, apoiado pelos zagueiros e volantes, que hoje estavam claramente em posicionamento(e movimentação) diferente dos jogos normais.

Não vale à pena comentar arbitragem... Apenas alguém deve rever se este senhor que apitou o jogo pode continuar. Creio que não!

Enfim, foi um jogo atípico. Mas que pode ser repetido se o time tiver o comprometimento, entrega e postura que teve hoje. Mesmo sem Luan, e sem Giuliano - que quase não sentimos falta, pra não falar totalmente - o grupo mostrou que tem valor e que mesmo com os mais novos - Iago e Kaio - soube se posicionar e jogar pelo coletivo e ser superior. Muitos méritos ao professor Roger!

E um salve à torcida Gremista que compareceu e fez uma bela festa - mais de 37 mil na arena!

Que venha o América- MG!

Equipe Grêmio: Twitter

Compartilhe isto

Posts Relacionados