Brasil empata com a Âfrica do Sul e enfrentará a Austrália nas quartas

09:50:00
Com sete titulares no banco, as comandadas de Vadão não fizeram uma grande atuação, e mesmo assim foram bem superiores na partida, diante da África do Sul, na Arena da Amazônia. Mesmo com reservas e futebol mais cadenciado, demonstrou um bom futebol. 



O JOGO

Aos 5 min, Andressa Alves recebeu lançamento e bateu de forma mascada na bola.

Aos 14', Raquel Fernandes após receber grande lançmento de Érika ficou cara a cara com a goleira, mas com toque leve, evitou o drible da atacante brasileira

20' Érika tentou cabeceio após cobrança de escateio, mas nãp teve sucesso.

24' Tamires arriscou da intermediária, um forte chute de perna esquerda, obrigando a arqueira rival a fazer boa intervenção

26' Tamires arriscou nova finalização, mas ao escorregar, teve seu chute prejudicado e a bola foi fraca, e nas mãos da goleira 

29' Raquel Fernandes arriscou chute na entrada da área, mas a bola subiu demais.

32' Após saída errada da goleira, Andressinha tentou gol por cobertura, mas a arqueira conseguiu se redimir do erro, e fez segura defesa.

Massacre brasileiro, mas faltava capricho para a finalização no gol.

38' Debinha arriscou na entrada da área, e a bola caprichosamente acertou a trave esquerda.

Veio o segundo tempo, e mesmo com a entrada de Marta, a equipe seguia um pouco lenta, apesar do maior volume de jogo. Até os 15 minutos, apenas uma finalização em gol, das Sul Africanas. Seguiu o panorama, e a Seleção sofreu um baita susto, em finalização de média distância, que obrigou Aline a fazer uma grande defesa, aos 25 minutos. Quando chegamos a meia hora de etapa final, Marta teve uma chance de ouro, mas foi desarmada na hora H pela defensora adversária.

Aos 37 minutos, Fabiana entrou no lugar de Mônica, e 20 segundos após, teve clara chance de gol da partida até então. Ficou cara a cara com a goleira, mas a camisa 2 perdeu o gol, muito em função da defesa da goleira. 43 minutos e Raquel recebeu grande lançamento de Marta, mas ao tentar toque por cobertura, a bola não ganhou altura suficiente, e a arqueira rival acabou tocando a bola pela linha de fundo.

Agora a equipe capitaneada por Marta, enfrentará a Algoz na última Copa do Mundo. As Matildas (assim são chamadas as jogadoras australianas) no sábado, às 22 horas, no Estádio Magalhães Pinto, o Mineirão. Nas Olimpíadas de Sidney 2000, vitória da Seleção Brasileira por 1 a 0, na fase de grupos. Nas Olimpíadas de Atenas 2004, também na primeira fase, Marta marcou o gol do jogo: 1 a 0 no placar. A adversária nas quartas foi a responsável pela eliminação das brasileiras nas oitavas de final da Copa do Mundo do Canadá 2015. A partida foi 1 x 0, com um gol aos 42 minutos da etapa final.As duas seleções se enfrentaram no dia 23 de julho, no último amistoso preparatório para a Rio 2016, e o placar foi 3 x 1, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza. As australianas estão em quinto lugar no ranking da Fifa e foram eliminadas na Copa pelo Japão (Vice campeãs mundiais em 2015), nas quartas, por 1 a 0.

Confio na seleção, mas ela irá precisar de foco total. As 'mamatas' acabaram, e se o ouro tão sonhado é almejado, as meninas brazucas terão que superar três pedreiras, para a conquista!

por Leonardo Bueno
Especial Rio2016: Twitter | Facebook

Compartilhe isto

Posts Relacionados