Miller Bolaños: diferenciado ou superestimado?

22:26:00
Miller Bolaños chegou com status de craque do time, e acabou que com o tempo, ocorreram lesões, convocação para seleção e acabou que o jogador pouco mostrou nesses primeiros meses no Grêmio.

Ele estreou na Libertadores, contra a LDU na Arena e já marcou ali seu primeiro gol. Teve uma atuação sem muito brilho, mas mostrou ser um jogador com muitas qualidades. Mostrou ter boa visão e movimentação, e o melhor, deixou o seu gol.

No seu segundo jogo, aquele "Grenal da cotovelada", ele sofreu a fratura no maxilar e ficou quase dois meses parados. Aí sofreu com falta de ritmo, com readaptação, e era notável que ele sentia certo "medo" de uma nova fratura. 

O jogador voltou, e o Grêmio já havia sido eliminado na Libertadores e no seu jogo de volta, foi eliminado nas semifinais do campeonato gaúcho. Desde então, jogou duas partidas do Brasileirão e foi para a seleção equatoriana.

Agora, Miller teve uma sequência de três jogos (São Paulo, América-MG e Santa Cruz) e nenhum gol. E com os números abaixo do que se espera dele, vem a dúvida do torcedor: Esperamos muito por alguém que tem pouco a oferecer? Bom, a resposta é meio óbvia, basta olhar os últimos três jogos do Grêmio e observar sua movimentação e de quem surgiu as principais chances do time. 

Miller está levando azar, está buscando jogo, mas a torcida espera que ele seja artilheiro, algo que o mesmo não é. Tanto no Emelec, como na Seleção equatoriana, ele joga mais recuado, como armador ou então joga livre, como o famoso "falso 9". Ele faz muitos gols, mas suas principais características, são a visão de jogo, e o passe preciso.

E quando Luan voltar? Roger irá continuar insistindo com Douglas? Luan e Miller possuem estilos parecidos, Douglas como armador é muito fraco, cria pouco para sua posição. Algo é certo em meio à tudo isso: Miller é diferenciado, basta ter paciência e as coisas irão dar certo, esperamos que não demore muito.
Equipe Grêmio: Twitter

Compartilhe isto

Posts Relacionados