O tão esperado ouro olímpico

23:14:00

Domingo, 17h30, estádio do Maracanã lotado e com torcida apoiando. Quarteto "mágico". Clima perfeito para quebrar o tabu do ouro olímpico.
Esperar o que dessa partida ? Rogério Micale começou o trabalho com um time espaçado e que não preenchia o espaço sem a bola, e com a bola não aproximava. Os dois primeiros jogos foram preocupantes! Muitos falam que Tite encostou lá e disse para mudar várias situações na equipe titular, eu discordo. Não tem o dedo do professor Tite, e sim o dedo do Micale, que foi corajoso e escalou o que tem de melhor, e protagonizou um quarteto que vem encantando: Luan, Neymar, Gabigol e Gabriel Jesus. Mas para esse quarteto funcionar ele colocou Walace na função de volante e deu mobilidade para Renato Augusto. Fez com que o ex jogador do Corinthians tivesse liberdade e conseguisse aproximar do ataque e fechar na defesa. Fez com que Luan e Neymar alterassem posições, e deslocou Gabriel Jesus e Gabriel para jogar nas pontas, fechando sem a bola. E com a bola, muita mobilidade e aproximação.

Neymar e Luan comandam a mudança na postura da Seleção Brasileira. (Foto: Goal)


É sem dúvida a melhor seleção brasileira dos últimos tempos, mesmo sendo olímpica e com a ressalva de não ter enfrentado nenhum adversário de qualidade.


Outro fator importante é a defesa: Rodrigo Caio e Marquinhos encaixaram, e ao meu ver são o futuro para 2018 na Rússia. Com Zeca e Douglas Santos nossa defesa não tomou gols, e isso é significativo - repito, não enfrentamos ninguém de qualidade, mas não fomos vazados. Ao meu ver, mais um mérito do nosso treinador Rogério Micale.
Para partida de amanhã, contra uma Alemanha bem diferente dos 7 a 1, eu espero uma vitória! Eu espero o tão sonhado ouro olímpico. Mas analisando friamente, se não vier o ouro, essa geração olímpica tem que ser preservada! Rodrigo Caio, Marquinhos, Luan, Walace, Gabriel, Gabriel Jesus... olha quantos talentos e todos tem potencial para 2018! Não podemos desmerecer nenhum desses atletas, caso a tão sonhada medalha de ouro não venha.
Porém, meus nobres amigos, eu acredito nesse ouro! Vamos voltar a vencer com a camisa amarela! Comandados por Neymar e Luan, o nosso Brasil vai trazer a medalha, e vai tirar o peso das costas de tantos "fracassos olímpicos".


E por favor Maracanã: esqueça o " Eu acredito". Torça, cante, vibre, mas não cante eu acredito.
Romário, Ronaldo, Rivaldo, Roberto Carlos, Ronaldinho Gaúcho, e tantos outros não conseguiram o ouro. Paramos em Nigéria, Camarões, Argentina, México e tantos outros adversários. Mas desta vez, no Maracanã, com todos os seus fantasmas, e com Neymar , o Brasil vai vencer o ouro.
Saudações, André Soledar

Compartilhe isto

Posts Relacionados