Série "Rivalidade na NFL" – NFC Sul

16:12:00

Olá, fãs de futebol americano! Hoje vamos dar continuidade a nossa série de Rivalidades, que conta um pouco sobre quem são os maiores adversários de cada um dos 32 times que compõem a NFL. No texto do dia, nós continuamos na área do sul americano, mas agora chegou a vez de falarmos sobre a Conferência Nacional. Essa é uma divisão nova, que passou a ter esses times juntos, somente em 2002. Então vamos lá!




Atlanta Falcons


Embora o Carolina Panthers tenha dominado a conferência na temporada passada, a briga mais pesada do time continua sendo contra o New Orleans Saints. Briga essa que foi perdida nos dois confrontos diretos da última temporada. Desde 2006, dos 20 clássicos entre os times, a equipe de New Orleans venceu 15!

Entretanto, nos 94 encontros totais entre os times, os Falcons lideram o confronto tendo vencido 49 desses jogos (48 – 45 na temporada regular, 1—0 nos playoffs). Essa é a rivalidade mais antiga e mais famosa da divisão.  Ambos os torcedores consideram uns aos outros o rival mais importante, e logo podemos definir como o mais odiado. Essa é uma rivalidade existente a mais de 40 anos.

Este ano, 2016, o primeiro confronto entre os rivais acontecerá na semana 3, em um jogo de Thursday Night Football, e ele será especial. O motivo? Nesse jogo serão “comemorados” os 10 anos da reconstrução da cidade de New Orleans depois que o Furacão Katrina destruiu a cidade.

Carolina Panthers


O Carolina Panthers por ser um time novo, não têm muita história com seus coleguinhas de divisão. A franquia criada em 1995 poderia ter como seu principal rival o Seattle Seahawks, já que nas últimas quatro temporadas eles se encontraram nos playoffs e protagonizaram um espetáculo em campo.

Como estamos falando de história, as coisas não são bem assim. Logo no primeiro jogo da história dos Panthers, o time criou certo “carinho negativo” pelo Falcons. Explicamos por que: a equipe de Atlanta venceu na prorrogação o mais novo time da NFL por 23x20, e desde então, os encontros entre os dois não foram mais os mesmos.

Um bom exemplo disso pôde ser visto na temporada passada em que o Falcons acabou com a campanha perfeita de 14x0 da equipe liderada por Cam Newton e companhia, vencendo o jogo por 20x13 no estádio Georgia Dome. Ato motivado pelo orgulho, uma vez que o time da casa nem tinha mais chances de playoffs.

New Orleans Saints


Já falamos um pouquinho na parte do Atlanta Falcons e ficou claro então que o maior rival do Saints, é e sempre foi, o Atlanta. Rivalidade estimulada pela história, como dissemos, e pela geografia. Os dois times jogam na mesma divisão desde 1970, então é comum que seja criado um vínculo forte, como também acabarem "compartilhando" jogadores. Um exemplo disto é Bobby Hebert, grande nome dos anos 90, e que era quarterback em New Orleans, mas se mudou para Atlanta e acabou voltando, como um bom filho, à New Orleans. E o mais recente caso de Joe Horn, WR dos Saints que deixou os Falcons em 2007.

Assim como escrito anteriormente, ambas as franquias amam se odiarem. Mas eles também têm se acostumado a amarem odiar os Panthers, afinal, o caçula da divisão tem dominado o Sul e toda a conferência nacional.

New Orleans Saints e Carolina Panthers desde 2013 vêm se estranhando, quando os Panthers venceram a divisão em cima do Saints. Depois disso, em 2014, Carolina dominou New Orleans, vencendo por avassaladores 41x10.

Tampa Bay Buccaneers



Se eu ousei dizer que o Carolina Panthers não tem muita inimizade na divisão, esse podemos considerar o amiguinho de todos. Ele é apenas aquela pedra no caminho dos demais times do sul, mas não alimenta o ódio. Suas campanhas, geralmente fracas, contribuem para atrapalhar a vida dos demais times que brigam entre si por uma vaguinha nos playoffs.

Esse foi mais um texto falando da rivalidade entre as franquias da liga mais linda. Esperamos que tenham gostado e continuem nos acompanhando que tem muita coisa legal em nosso site! Não esqueça que as divisões do Norte, tanto da AFC quanto da NFC, e a AFC Sul já foram abordadas. 

Lembramos também que se você quiser colaborar com esses textos ou, até mesmo, se tornar um colunista da equipe "Vai que tô te vendo", entre em contato conosco através de nosso Twitter @NFLvqttv.

Equipe NFL: Twitter | Facebook 
Texto por: Karolyne Brum

Compartilhe isto

Posts Relacionados