Para evitar um vexame.

Murillo Ferreira 17:02:00
Fonte: globoesporte.com
Nesta quinta, 22, às 21:30, o São Paulo enfrentará o Juventude pela segunda partida das oitavas-de-finais da Copa do Brasil, no Alfredo Jaconi, Caxias do Sul. No primeiro jogo ocorrido no Morumbi, o Tricolor perdeu a partida por 2 a 1, resultado catastrófico e que coloca em risco a permanência na competição. Com isso, para avançar as quartas-de-finais, é preciso vencer por 2 gols de diferença, ou então se for uma diferença de apenas um gol, que seja um placar igual ou superior a 3 a 2.

Uma dúvida muito grande para esse jogo está em brigar pela classificação ou abandoná-la e ter o foco total no Brasileirão, fugindo de vez da zona da degola. É notório que uma desclassificação para o Juventude, um time da Série C, seria o pior fiasco do ano, superando, até então, a eliminação para o Audax no Campeonato Paulista. Entretanto, o São Paulo também precisa ter foco no Brasileiro, fugir o quanto antes da zona de risco e começar a planejar 2017.

Para seguir na competição o Tricolor precisará buscar um placar inédito dentro do Alfredo Jaconi. Em 2004, pelo Campeonato Brasileiro, o clube paulista conseguiu sua única vitória na história contra os gaúchos em seus domínios. O placar na ocasião foi de 2 a 1, resultado que levaria a disputa para as penalidades.

Ricardo Gomes não poderá contar com o zagueiro Maicon, que sofreu um estiramento na coxa de grau um e deverá ficar afastado por cerca de 15 dias. Outra baixa é Michel Bastos, que sentiu dores no joelho no treino desta quarta e não viajará. Kelvin, também sentiu o joelho e deixou o treino mais cedo, mas segue com a delegação para o sul.


Para vaga de Maicon, Lyanco e Lugano disputavam uma vaga, que acabou ficando com o ídolo uruguaio. Nas laterais, Ricardo Gomes deve escalar Bruno e Carlinhos que tem características mais ofensivas do que Buffarini e Mena. O possível time que entrará em campo será: Denis, Bruno, Lugano, Rodrigo Caio e Carlinhos; Hudson, Thiago Mendes, Wesley, Cueva e Kelvin; Chavez.


Murillo Ferreira.
Siga-nos no Twitter.

Compartilhe isto

Posts Relacionados