Internacional x Figueirense: Indignação e garra de sobra, a vitória pousa no beira-rio.

16:27:00
Passadas as horas malditas de domingo (eleições), momento de falar sobre a partida do dia 1° de outubro. 

Casa cheia, torcedor presente, as entradas e pátios do estádio beira-rio já davam sinais que o pleno sábado a noite não seria qualquer um. Era um sábado de muito alento e arrepios. De gritar "uuuuuh" na hora de atacar e quase ir para o fundo da rede. Era sábado de tumulto do lado de fora, no portão 7. Estava no script que não seria uma noite comum.
  

No anúncio da escalação, uns atletas foram vaiados, as mesmas foram anuladas pelo alento e aplauso da torcida. Apita o árbitro. Começava a loucura, o beira-rio rugindo e la no pátio para a entrada, seguía o tumulto e torcedores apressados, inclusive eu. 


Foto: Internacional, divulgação: Twitter. 
Surge a jogada do gol com Dourado, William, Ferrareis, William novamente, ele cruza para Vitinho, que finaliza pra o fundo do gol aos 5 minutos de partida. GIGANTE PULSA. Logo a diante Inter criou chances de ampliar o marcador, o que não ocorreu. Era ataque atrás de contra-ataque. Figueirense fazia cera e ganhava falta, seu camisa 9 não foi efetivo. 

Juiz encerra o primeiro tempo, com a torcida ainda comemorando e felizes com o time, todos cumprindo o seu papel. O segundo tempo voltou com os dois times sem alterações, Figueirense querendo ser ofensivo, mas não deixando de se defender. Nada que fizesse o goleiro Danilo Fernandes sujar o uniforme ou esboçar uma defesa difícil. 


Aos 18min/2°T sai Vitinho e entra Aylon; Merecidamente aplaudido. Alex toma cartão amarelo. E durante o jogo peleado mais uma mudança: 31min/2°T sai Alex e entra Valdívia. Muito aplaudido por todos. Aos 38min/2°T sai Ferrareis e entra Sasha. Estaria tudo certo, até Bob sentir, sair de maçã, tentar voltar e não conseguir ficar.  O jogo ficou dramático nos minutos finais, ainda mais perante o anúncio de 5 minutos de acréscimo. Figueirense arriscando do jeito que dava, para sair daqui com um ponto. Não deu. FIM DE JOGO, GIGANTE PULSA DE NOVO. 




A FESTA PÓS-JOGO COM SHOW DE LUZES, EMOÇÃO DE SEIJAS E VITINHO 


Show de luzes. Foto: Inter/divulgação Twitter. 
O templo sagrado das margens do guaíba além de um caldeirão, como sempre foi, novamente fez o espetáculo de show de luzes o qual era costumeiro em noites de libertadores da América. Foi lindo e arrepiante, só o torcedor colorado faz, não adianta copiar. SOMOS ÚNICOS. 

Vitinho na saída de campo desabafou, comovido e emocionado, o camisa 11 falou sobre a cirurgia que teria que fazer, pois ainda não estava 100%, mas optando em estar em campo e ajudar todos nessa situação complicada, pensando no bem-estar da torcida, do grupo e a instituição como toda. Máximo respeito, és um jogador fundamental para nós. Sabemos o que tu podes render. 



Seijas, após a partida dentro de campo. Admirando a festa. E emocionado. Foto: Fonte desconhecida. 
Seijas, jogador mais lúcido, com gana, raça, liderança, técnica e dedicação. Encanta a todos. O jogador permaneceu em campo, observando a festa da torcida e saiu emocionado, sentiu o quão seu nome e pessoa soa com respeito por todos. Que permaneça conosco por muito tempo. 



Que venha o Coxa, estaremos lá outra vez. Faremos a nossa parte mais uma vez. E que os três pontos resolvam ficar aqui. 



#LutarPelaNossaHistoria



SOMOS A RESISTÊNCIA! É O INTER! 

Compartilhe isto

Posts Relacionados