Pós Jogo: Com um planejamento pífio, Inter praticamente joga fora a Copa do Brasil

12:36:00
Na noite de ontem, 26 de outubro, o Inter recebeu o Atlético Mineiro, no Beira-Rio, em uma noite chuvosa em Porto Alegre. Diante de 30 mil colorados, o dono da casa sofreu um revés por 2 a 1 e está em desvantagem para o jogo de volta que ocorre semana que vem em Belo Horizonte.

É certo que o foco era a permanência na Série A, mas como o próximo adversário está matematicamente rebaixado e como vínhamos de uma sequência de jogos sem viagem, poderíamos ter encarado o Atlético Mineiro com os titulares, visando fazer uma boa vantagem contra os mineiros para decidir fora.  Mas não, com um planejamento errôneo, colocamos apenas cinco titulares, e perdemos o primeiro jogo, praticamente dando adeus a competição nacional.

O time alternativo do Colorado jogou bem. O resultado foi injusto, tivemos muitas chances de gol porém quando não desperdiçávamos, o goleiro Victor brilhava. O arqueiro atleticano, que já conhecemos desde que era goleiro do rival, realmente segue muito bem embaixo das traves, praticou boas defesas!

Foto: Ricardo Duarte/ Divulgação Internacional


Nosso ataque estava ineficaz e nossa defesa "offline", principalmente Alan Costa. O zagueiro justifica seu ostracismo toda vez que recebe uma oportunidade. No primeiro gol do Atlético foi vencido por Lucas Pratto, que passou como quis por ele, botou a bola na área e Paulão afastou. Na linha de fundo novamente Alan Costa perde para Pratto, que devolve pra área, para Otero marcar, ainda na primeira etapa.

O alvirrubro chegou ao gol apenas na segunda etapa, quando Anderson, que fez boa partida após voltar a ser escalado como titular, foi derrubado na área e sofreu pênalti. Na cobrança, Willian bateu perfeitamente tirando Victor da jogada, e empatando a partida. Após o gol o time foi para cima. Já com Valdívia, Sasha e Vitinho em campo. Novamente empilhou chances desperdiçadas, e no apagar das luzes sofreu mais um gol de contra golpe. Cazares puxou o contra-ataque pelo meio, abriu bola para Luan pela ponta direita, que esperou Danilo Fernandes sair para tocar para Lucas Pratto, sem goleiro, marcar o gol da vitória atleticana.

Com o resultado, o Inter terá que fazer 2 a 0, ou vencer por um gol de diferença a partir de 3 a 2. Caso devolva os 2 a 1 a partida irá para os pênaltis. Em caso de empate ou nova derrota, o Atlético confirma sua vaga para final. O Inter voltará novamente ao Beira-Rio neste sábado, dia 29, às 18h30 contra o Santa Cruz, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro.

Walter de Souza

Compartilhe isto

Posts Relacionados