Pós-jogo: Amistoso: Palmeiras 1 x 1 Ponte Preta

23:19:00
Nesse domingo, 29, o Palmeiras disputou mais um amistoso de pré-temporada, dessa vez contra a Ponte Preta, no Allianz Parque. O verdão dominou, praticamente, todo o jogo. E, não à toa, que Fernando Prass e Jailson pouco trabalharam.

Eduardo Baptista entrou com a formação que todos esperavam: o 4-1-4-1. E levou muito perigo, principalmente nas jogadas aéreas. Além disso, mostrou que os atacantes não são os únicos que assustam os adversários na hora da finalização, mas os volantes também. Felipe Melo e Tchê Tchê não cansaram de subir ao ataque para tentar o gol. 


Apesar do "baixo público", os torcedores alviverdes viram um Palmeiras com sede de vitória. O Verdão cansou de perder gols. O mais inacreditável foi o lance que começou com uma bela jogada de Willian - entrou de titular -, que tocou para Tchê Tchê acertar a trave; no rebote. Dudu pegou e rolou para Veiga, que acertou o travessão. E Felipe Melo, Edu Dracena, Vitor Hugo e Róger Guedes perderam mais de quatro chances cada.

Mas o intuito principal da partida, pelo menos para o técnico alviverde, Eduardo Baptista, era o de testar peças para o início do Campeonato Paulista. Na volta do intervalo, o jovem Vitinho e o experiente Barrios entraram nos lugares de Veiga e Willian. Além disso, rolou outra estreia no Verdão: a de Michel Bastos, que, logo nos primeiros toques na bola, fez um ótimo cruzamento para Lucas Barrios quase marcar.

Sai  Zica!

Após perder uma chance incrível de gol aos 20 minutos da etapa final, Lucas Barrios se redimiu ao marcar de cabeça - oito minutos depois - após cruzamento de Zé Roberto. Já o gol de empate da Ponte foi marcado de Pênalti por Ramon.


O próximo jogo do Verdão será na estreia pelo Campeonato Paulista, contra o Botafogo, em Araraquara, no próximo dia 5, às 17h.






Compartilhe isto

Sou Paulo Junior, paulistano, ex-estagiário da Band FM São Paulo e jogador profissional de futebol amador.

Posts Relacionados