O Borja já pode estrear?

22:59:00
Há, mais ou menos, 3 semanas os palmeirenses, imprensa e o técnico Eduardo Baptista quebravam a cabeça para saber quem ficaria de fora da lista dos 28 jogadores convocados para a primeira fase do campeonato Paulista 2017. Depois de tantas apostas, Arouca, Hyoran, Rodrigo e o goleiro Daniel Fuzato foram os escolhidos para ficarem de fora do campeonato regional deste ano. O último jogador a ser inscrito foi o meio-campista Alejandro Guerra, que fez a sua estreia no último domingo, na derrota palestrina frente ao Ituano, pela segunda rodada do campeonato Paulista.

Por já está com a lista completa, o Palmeiras não poderia inscrever nenhum outro jogador. A não ser que algum atleta convocado se machucasse ou fosse vendido ou emprestado. O volante Tchê Tchê e o lateral Fabiano estão no departamento médico do Verdão, mas o prazo de recuperação está para algumas semanas. Ou seja, Borja só seria inscrito na primeira fase do campeonato no lugar de algum deles caso o prazo de recuperação superasse o dia 7 de maio, data do último jogo do Paulistão 2017. 

Com isso, teríamos de segurar a ansiedade de ver a maior contratação do Palmeiras em campo até o dia 8 de Março. Data em que o Verdão fará a sua estreia pela Copa Libertadores da América frente ao Junior Barranquilla, da Colômbia, ou Atlético Tucumán, da Argentina.

Mas não fique chateado torcedor palestrino. Pois, Borja poderá nos ajudar na segunda fase do Paulistão. Para isso acontecer, Eduardo Baptista precisará fazer uma mudança técnica, excluindo qualquer jogador da fase final da competição para inscrever Borja.

Falta de planejamento

A diretoria e a comissão técnica do Verdão não se planejaram para a chegada do atacante colombiano. O que aumenta a desconfiança de que nos bastidores o Palmeiras já havia perdido as esperanças de contar com o melhor jogador da América do Sul do ano passado.

Eduardo Baptista inscreveu 27 jogadores e deixou 1 vaga para Alejandro Guerra, que já estava treinando junto com a equipe há 1 mês. A FPF (Federação Paulista de Futebol) exige dois tipos de lista: a parcial e a definitiva. A parcial foi entregue dias antes do início da competição. Já a definitiva poderá ser recebida pela Federação até o dia 3 de março. O São Paulo, por exemplo, contará com Lucas Pratto, já que o vizinho inscreveu apenas 23 jogadores. Ou seja, se, pelo menos, mais 1 jogador tivesse sido cortado por Eduardo, o atacante Borja já poderia defender as cores do Palmeiras nos próximos dias. 

Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

Compartilhe isto

Sou Paulo Junior, paulistano, ex-estagiário da Band FM São Paulo e jogador profissional de futebol amador.

Posts Relacionados