Três vitórias em quatro dias

19:59:00
Ontem foi dia do Inter receber o Brasil de Pelotas, em jogo válido pela quinta rodada do Gauchão. O jogo era de extrema importância, afinal o clube do povo acumulava três empates e uma derrota, então era necessário a conquista da primeira vitória na competição Regional. E ela enfim chegou, e com o primeiro gol de Roberson, após ótima jogada do Uruguaio Nico López, deixando o ex atacante do Juventude com apenas o trabalho de encostar com o peito para o fundo das redes. O placar de 1 a 0 fecha uma maratona de 3 jogos em 4 dias, e o Inter saiu dela com 100% de aproveitamento, terminado a semana com o primeiro lugar do grupo A da primeira Liga (após três vitórias), a vaga para a terceira fase da Copa do Brasil, e agora com seis pontos no Campeonato Gaúcho,  ocupando a quinta posição.

O jogo:

O técnico Antônio Carlos Zago não contava com o artilheiro Brenner que vive grande momento, pois ele estava suspenso, assim como o craque D’alessandro que foi preservado para o greNal. Sendo assim a equipe que foi a campo era composta por: Danilo, Junio, Léo Ortiz, Paulão, Carlinhos, Dourado, Charles, Uendel, Nico López, Carlos e Roberson. O primeiro tempo da equipe colorada foi intenso, com grande movimentação e chances criadas, porém apenas uma convertida em gol. No segundo tempo o controle continuou com o Inter, que apesar de não criar tanto quanto na primeira etapa, possuía as rédeas da partida, e chegou perto do segundo gol em algumas oportunidades, isso tudo enquanto Danilo Fernandes assistia a partida.

Foto/divulgação: Zero Hora ( Roberson comemora o seu gol na vitória de ontem).

William: 

O jovem lateral direito que havia sido bastante vaiado antes da partida, quando teve seu nome anunciado pelos alto falantes, entrou no segundo tempo no lugar de Junio (de atuação mais uma vez discreta), e novamente foi vaiado. Mas a cada toque na bola, onde ficava nítido a sua qualidade as vaias foram sessando. Apesar de não ter realizado a pré temporada com a equipe principal, entrou muito bem no jogo, demonstrando qualidade ofensiva em seus apoios, também defensiva para interceptar algumas jogadas do adversário. Se o William voltar a demonstrar o mesmo empenho e qualidade que o fizeram ser um dos melhores jogadores do Inter na última temporada, e também cair nas graças da torcida, não tenho dúvida que o torcedor voltará a apoiá-lo, afinal de contas estamos falando de um dos melhores laterais direitos do Brasil.  

Agora tudo é greNAL:

O técnico Zago terá a semana toda para definir a equipe titular que entrará em campo no próximo sábado,  às 18h30 na Arena OAS. Com os retornos de Brenner e D'alessandro, Roberson e Nico deverão perder espaço entre os titulares, embora o Uruguaio tenha tido boa participação no jogo de ontem, e sendo assim é possível até mesmo que Carlos deixe a equipe titular. Porém isso são apenas hipóteses, e quem é pago para escalar a equipe titular não sou eu (risos). Agora é esperar que os jogadores trabalhem forte durante a semana para fazer um grande jogo, mostrando assim que antes de competir com o Inter no maior clássico do Brasil, eles precisarão superar o empate, que é com vem duelando na história dos confrontos. É O INTER!  


Vinícius Silveira


Compartilhe isto

Posts Relacionados