Mais um passo.

10:43:00
Salve nação São Paulina!

Na competição que soa inédita durante 86 anos pro São Paulo, o time tricolor saiu à frente do ABC de Natal no Morumbi e já da um passo enorme pra classificação para a Copa do Brasil. Com propriedade, o time da casa abriu o placar de 3x1 sob o ABC, que aguarda dia 15/03 o São Paulo em sua casa.
Imagem: Gazeta Esportiva.
O jogo pareceu não incomodar o São Paulo que enfrentava um adversário tecnicamente limitado. Diante de 15 mil espectadores (público bem abaixo das últimas médias do São Paulo), o tricolor fez uma partida tranquila e teve sua primeira chance com Thiago Mendes que recebeu passe de Pratto, porém não finalizou com eficiência apesar de ter batido bem na bola.

Jogando com pressão o tempo todo, o São Paulo abriu o placar com o menino Luiz Araújo, que marcou dois gols e complicou a vida dos "abecedences". Em seguida, Lucas Pratto marcou seu 4° gol (todos de cabeça) e sacramentou a vitória São Paulina que tranquiliza a partida fora de casa.
Imagem: Gazeta Esportiva.
O volante Marcos do ABC ainda diminuiu o placar marcando o único gol do time de Natal na partida. A análise do outro lado nos permite salientar o quão eficiente foi o goleiro de ABC, que por muitas situações evitou uma vantagem maior do São Paulo.

Ainda enfrentamos alguns problemas no setor defensivo, e digamos que isso se da pelo esquema diferente a qual estamos nos habituando (sim, a torcida ainda não se habituou TAMBÉM). A era Bauza e Osório, nos deixou como herança o costume de jogar retrancado, valorizando a posse de bola e toques certeiros, e não a rotatividade de jogo envolvendo o adversário. O que acontece na maioria das vezes, é a saída dos volantes para a área ofensiva cadenciando a cobertura defensiva, vemos muito esse tipo de situação com o Thiago Mendes, que ultimamente, dentre diversas posições, opera até um "falso nove".

Nosso próximo desafio agora é contra o Palmeiras, time que oscilou durante algumas partidas inclusive contra o Tucumán, onde saiu com o empate fora de casa (e um jogador a menos), mas recebeu diversas críticas quanto à oscilação do time principalmente no meio de campo.

Analisando o time do Palestra Itália, pelas peças que possui, deveria jogar de forma mais organizada, porém ainda sinto falta de um camisa 10 pensante nesse time do Palmeiras que é onde ganhamos vantagem por ter volantes e constituintes do meio campo que fazem muito bem esse papel.

Nossa sequência é mortífera, dois clássicos em dois finas de semana e em um deles, não teremos jogadores de suma importância pela convocação pra seleção (Pratto, Buffarini e Cueva). Os prós dessa sequência é que, se caso conseguirmos sair invictos dos clássicos, o time embala, caso não, desanima de vez. Com certeza estamos na torcida para um resultado positivo!

Siga-nos no Twitter: SPFC_VQTTV

Compartilhe isto

Posts Relacionados