Pré-Jogo - Internacional x Novo Hamburgo: Treino aberto com apoio da torcida

22:03:00
Zago dando a última orientação antes do torcedor entrar e fazer a festa. Foto: Ricardo Duarte/ Internacional (divulgação).

O treino nessa manhã feito pelo colorado foi de portões fechados, pelo menos boa parte do treino, com isso o torcedor que chegou cedo, ficou em frente ao Portão 7 cantando em apoio ao time. Com a liberação de faixas e instrumentos, a barra brava guarda popular pode fazer uma prévia do que será a festa de amanhã diante da equipe do Nóia.

Para despistar um pouco do que foi treinado por Antônio Carlos, a torcida entrou no momento em que William e Valdívia realizavam cobranças de pênaltis e faltas. O objetivo é simples, conquistar o hepta campeonato por estar na 10° final de campeonato gaúcho, somos os maiores do estado, não há contestamento quanto a isso.

Lomba treinou normalmente, porém ficará no banco de reservas contra o Novo Hamburgo, obtendo uma sequência para Keiller. Naquilo que foi entendido, o comandante colorado deverá optar por três volantes com a intenção de bloquear qualquer contra-ataque da equipe do Vale, pois a mesma utiliza dessa jogada como crucial, de maneira inteligente. O mesmpo vale para a bola parada. Com isso, Anselmo pode ganhar mais uma chance.

Roberson volta de lesão, ja William volta após cumprir suspensão.

O Nóia contará com o retorno de Jardel, que cumpriu suspensão contra o nosso co-irmão e fará dupla com Amaral. Em compensação não poderá contar com um de seus principais jogadores, o meia Preto, que cumprirá suspensão. A ideia de Beto Campos é um time experiente, com jogadores acima dos 30 anos. Novo Hamburgo que fez uma das melhores campanhas, entre melhor ataque e defesa do gauchão. Todo cuidado é pouco.

INTER Keiller; William, Ortiz, Cuesta e Uendel; Dourado, Anselmo (Roberson), Edenílson e D'Ale; Valdívia (Carlos) e Nico López
Técnico: Antônio Carlos Zago

NOVO HAMBURGO Matheus; Leo, Julio Santos, Pablo e Assis; Amaral, Renan, Jardel e Juninho; Branquinho e João Paulo
Técnico: Beto Campos

Arbitragem

Anderson Daronco, auxiliado por Lúcio Beiersdorf Flor e Leirson Peng Martins.

#NadaVaiNosSeparar DALE INTERNACIONAL!

                                                            Hugo Severo 

Compartilhe isto

Posts Relacionados