Acabou a paciência

20:23:00
"treinador" colorado Foto: Ricardo Duarte
 
Os critérios contraditórios, as convicções estapafúrdias e desculpinhas mais sonolentas que o soneca da branca de neve e os 7 anões, não temos esquema, não temos um padrão de jogo, estamos no meio do ano sem nada, inclusive sem técnico. Que por sinal, preteriu alguns jogadores que sequer jogaram, outros jogaram tão pouco e foram embora, sem ter a chance de demonstrar vontade de estar aqui.

O Sport Club Internacional é peso demais para o corpo frágil e cabeça oca de Antônio Carlos. Falta senso de humildade, falta treinar, falta compreender, falta comunicar, entrosar, conhecer dos pés a cabeça, falta tudo... Simplesmente falta. Não temos nada, somos hoje o time do bate e rebate, que poucos gols produzidos de maneira efetiva, mal temos batedores de falta, se bobear apenas um e olhe lá. O segundo capitão, tomou soco na cara em clássico e saiu chorando. A bruxaria não faz mais feitiço e nem efeito. Muito menos os bicos como manager nas horas vagas, e nem vou citar bruxismo amoroso com certo ex presidente e integrante da SWAT.

A covardia tinha que ser eliminada, deixada de lado, quero dizer que, se Antônio Carlos saía de casa rumo ao parque gigante pensando como covarde, que não tivesse assinado contrato. Soa estranho quem já foi auxiliar técnico em time Europeu não ter aprendido nada. Tão-pouco a ser homem suficiente e aprender com os erros.



Lembrando, internamente a história do clube que luta desde sempre contra o racismo, quebrou seu protocolo para deixar vestir vermelho quem já abriu a boca ou apontou seus dedos no próprio corpo para injustiçar a cor da pele de um negro.


Foi PAYSANDU vergonha que a paciência esgotou, queremos subir como legítimos demônios e não como lesmas ambulantes. RESPEITEM O CLUBE DO POVO! Tõ de zago cheio!

Nosso próximo jogo é na quarta-feira (31), às 21h45, contra o Palmeiras, no Beira-Rio, pela Copa do Brasil.


O próximo jogo colorado no Campeonato Brasileiro da Série B é no sábado (3/6), às 19h, contra o Juventude, no Beira-Rio.

                                                            Hugo Severo

Compartilhe isto

Posts Relacionados