Matheus Leist teve 'aquilo roxo' para vencer a Freedom 100!

09:45:00

Matheus Leist desencantou na Indy Lights. Nesta sexta-feira (26), o piloto brasileiro se aproveitou da pole, segurou os ataques de Aaron Telitz e Dalton Kellett e venceu de ponta a ponta as 100 Milhas de Indianápolis. O piloto brasileiro, considerado por muitos, o tupiniquim de maior e melhor futuro no automobilismo internacional, fazia até então um campeonato discreto. Tendo como melhor desempenho, um terrceiro lugar. Mas com a fabulosa vitória na Freedom 100, Leist melhora na tabela de classificação, aparecendo no sexto posto, 30 pontos atrás do líder Kyle Kaiser.

O gaúcho teve largada/relargada muito boas e consistentes. Além disso, mesmo não tendo um rítimo suficiente para abrir maior vantagem, ele conseguiu controlar ataques do norte americano Aaron Telitz, que por duas vezes esteve muito próximo de ultrapassá-lo. Porém o brazuca teve aquilo roxo para conter o rival (Especialmente nas 10 voltas finais), e utilizando  tangências que evitavam Telitz mais lançado, Matheus controlou os nervos e bloqueou as possibilidades de perder a P1. Teve aquilo roxo para vencer na Brickyard. Logo em sua primeira corrida em um oval, e primeiras experiências do piloto em circuitos do tipo. 

Leist largou da pole position, e teve como base para vitória, a inteligência e frieza. Tudo bem que está numa equipe altamente estruturada: Carlin! Mas quando só se mostra competência, provando que é capaz dentro da pista. Não a toa, liderou todas as 40 voltas da corrida.

“Foi uma corrida muito dura, mas a gente tinha uma boa base. Eu fico muito feliz, o carro estava incrível. Quero agradecer a todos na Carlin, foi uma corrida simplesmente incrível, minha primeira corrida em um oval. Eu não poderia estar mais feliz. Foi minha primeira vitória na Indy Lights, ainda tenho uma longa jornada pela frente. Espero estar aqui vencendo a Indy 500 um dia”, disse empolgado o brasileiro depois da prova.

Que Matheus siga em em evolução, e trabalhando para num futuro, estar competindo e brigando por vitórias na Indycar. O momento é para celebrar, mas de manter pés no chão. Porém é inegável que o talento de Leist é comprovado. Resta darmos tempo ao tempo para vermos onde ele chegará. Mas o horizonte aponta um futuro muito bom para ele.




Foto: Beto Issa






Por: Leonardo Bueno

Compartilhe isto

Posts Relacionados