Para Cuca, Borja precisa jogar ao estilo futebol moderno

14:56:00
O atacante colombiano, Miguel Borja, estreou em fevereiro, marcando gol, no jogo contra a Ferroviária, na primeira fase do Campeonato Paulista deste ano. Desde então, a maior contratação do Verdão (R$ 35 milhões) marcou 7 gols pelo time palestrino (todos dentro da área). Antes de chegar ao Verdão, o centroavante colombiano marcou 35 gols (32 dentro da área), porém, 5 deles foram de pênalti.

Além disso, dos 35 gols marcados, Borja tocou poucas vezes na bola. Em 26, o colombiano tocou apenas 2 vezes antes de marcar o gol. Ou seja, em chutes de primeira, Borja marcou 16 vezes. Já em domínio seguido de conclusão, marcou em 10 oportunidades.

Já no Palmeiras, o camisa nove, dos 7 gols marcados, em apenas 1 jogo - contra o Novorizontino - ele tocou duas vezes na bola (peito e finalização). Contra o Vasco, na estréia do Palmeiras no Brasileirão, Borja marcou de cabeça e de pênalti. Foram os primeiro gols do colombiano dessas maneiras.

Apesar disso, perguntado se a saída constante do Borja da área atrapalha o time, o técnico Cuca, em entrevista coletiva na última sexta, disse que o atacante ainda tem o modo de jogo na área muito vivo dentro dele, mas precisa se adaptar a forma de jogo do futebol moderno.

"Todos os times passam por momentos ruins",diz Cuca

"Ele jogava diferente na Colômbia, era um estilo diferente. E ele ainda tem isso muito vivo dentro dele. O que a gente tem que trabalhar mais é a compactação. Os setores precisam jogar compactados, passar a linha da bola pra frente e pra trás. Hoje já não é uma necessidade, é uma obrigação dentro do futebol moderno. precisamos trabalhar mais Isso é pra ter o encaixe na frente e e não dar o contra-ataque. A gente tem que trabalhar".


ADAPTAÇÃO RÁPIDA DO GUERRA


Após vitória contra o Atético-GO, na última quarta, o meia Alejandro Guerra foi eleito pelos torcedores palmeirenses o melhor da partida. Cuca disse que o jogador, além de moderno, se adaptou rapidamente ao Palmeiras.

"Ele é importantíssimo, um jogador de rara inteligência, moderno, sabe compor o meio campo, ajuda a compactação, cria a maioria das jogadas. Como o Mina - em 2016 -, ele se adaptou rapidamente.

O Palmeiras volta a campo no próximo domingo, 25, às 16h, contra a Ponte Preta, em Campinas. Cuca ainda não definiu o time, mas o atacante Willian já está liberado, após cumprir suspensão.

Por: Paulo Junior
Imagem: TV Palmeiras/FAM




Compartilhe isto

Sou Paulo Junior, paulistano, ex-estagiário da Band FM São Paulo e jogador profissional de futebol amador.

Posts Relacionados