Metade do caminho foi concluído

17:06:00
No último sábado terminou o primeiro turno da Série B para o Inter. Com ele concluímos metade desse doloroso caminho que nos foi reservado para esse ano. Foram 19 partidas contra adversários de menor grandeza em relação ao Inter, com menor poder econômico, porém com jogadores que entravam em campo com a plena consciência que estavam diante de um gigante do futebol Brasileiro, e portanto tinham uma grande oportunidade de mostrar o seu valor, visando despertar interesse de um clube maior, e sendo assim faziam o jogo das suas "vidas".

Nessa trajetória até aqui tivemos altos e baixos, houve troca no comando técnico após a derrota para o Paysandu, logo na terceira rodada, com Antônio Carlos Zago sendo demitido e Guto Ferreira contratado. Com o "Gordiola" a equipe oscilou bastante, vencia a maioria das partidas fora de casa, mas em contrapartida não conseguia se impor em seus domínios, e quando vencia não era de forma convincente. O insucesso perante ao seu torcedor era sempre atribuído a retranca dos adversários, coisa que não acontecia quando o Inter jogava fora de casa, já que a maioria das equipes tentava medir forças com o Clube do povo.

Foto:Divulgação/Internacional 

A direção foi ao mercado buscar contratações pontuais, que pudessem suprir algumas carências que o elenco colorado possuía, e podemos dizer que foram certeiros ao trazer Camilo e Damião. O primeiro por se tratar de um meia de muita qualidade técnica, que pode jogar com o D'alessandro ou no lugar dele. Já Damião chegou para ser o atacante de referência (Posição essa que eu particularmente acho importantíssima), lembrando que Pottker prefere jogar na extrema direita, e Nico também tem seu rendimento potencializado ao máximo quando atua livre no ataque. 

Pois bem, parece que finalmente o técnico Guto Ferreira conseguiu encontrar o equilíbrio ideal. Nos últimos três jogos, foram três vitórias merecidas, com um bom futebol apresentado, e sem levar um gol sequer, sequência essa que deixou o Inter na vice liderança e com uma perspectiva de um ótimo segundo turno. Foram 33 pontos conquistados ( 9 vitórias, 6 empates e 4 Derrotas), na metade dessa caminhada, segundo a matemática de momento o Inter precisaria de 62 pontos para subir, ou seja; faltariam 29 pontos, mas é necessário lembrar que isso é momentâneo e pode ser insuficiente no final do campeonato, portanto é melhor tentar repetir a mesma pontuação do primeiro turno ao menos, para assim garantir o retorno para o nosso devido lugar com tranquilidade. No sábado faremos o nosso primeiro jogo no segundo turno, diante do Londrina no estádio Beira Rio, às 17h30. 

Vinícius Silveira   



Compartilhe isto

Posts Relacionados