EXCLUSIVO - Ponta Grossa está próxima de se unir ao Caramuru Futsal

11:55:00

O esporte em Ponta Grossa está voltando a existir com força, no cenário nacional. A cidade é sede do atual Campeão Brasileiro da Série D, o Operário Ferroviário  Esporte Clube, do agora Ponta Grossa Caramuru Vôlei, e pode voltar a ter uma equipe profissional de futsal no estado do Paraná.

Até então, a equipe de futsal da cidade era a Associação Pontagrossense De Futsal/ Lojão Do Keima. Mas desde que o 'Lojão' em questão deixou de patrocinar a equipe, Ponta Grossa ficou sem equipe profissional. E olha que o Keima Futsal, foi vice campeão da Chave Ouro do futsal paranaense (primeira divisão)

E por qual motivo o esporte voltar à cidade localizada na região dos Campos Gerais? Imcompetència da cidade vizinha, Castro. Basicamente, o Caramuru Vôlei, que a duras penas conseguiu ser campeão da SuperLiga masculina de 2015/2016, e disputar a elite do vôlei nacional na temporada 16/17, conseguiu vaga na temporada 17/18. A então equipe castrense, herdou a vaga do Bento Vôlei que ficou semo patrocínios, e entregou sua franquia à Confederação Brasileira De Voleibol.

E aí que entra Ponta Grossa na jogada. A cidade ofereceu maior e melhor estrutura, e um aporte financeir bem maior que haveria em Castro. A prefeitura de PG fez o que a prefeitura de Castro não fez: Dar incentivo para um projeto de alto potencial. Pelo lado castrense, foi oferecido apenas estrutura básica, sem fortes apoiadores e com verbas altamente reduzidas. Em resumo, PG com todo suporte e patrocínios que surgiram, receberá R$1.000.000,00 para investir na equipe. Em Castro, o valor não passaria de R$300.000,00.

O VAI QUE TÔ TE VENDO pode afirmar, que através de fontes ligadas ao futsal da cidade castrense, que seguindo os moldes do voleibol, a AFP Futsal que foi citada anteriormente, deverá receber uma proposta ao final do Campeonato Paranaense de Futsal, por parte do Caramuru Futsal. O projeto Caramuru que em Castro, pena para sobreviver, oferecerá uma base e vaga na Chave Ouro de 2018, receberia um aporte suficiente para disputar o certâme estadual, como Franquia, e equipe competitiva. Dependendo de acertos financeiros que podem e ao que tudo indica, serem resolvidos.

Traduzindo, Ponta Grossa investe no esporte, recebe projetos com potencial desportivo grande, e se mobiliza para refortalecer o esporte na cidade. Já em Castro, por questões políticas, visando cargos estaduais, o esporte profiasional, está sendo deixado de lado.










Foto: Reprodução










por: Leonardo Bueno

Compartilhe isto

Posts Relacionados