O Inter não dorme, mas cochilou diante do Paraná.

16:51:00
Nico Lopez, um sonâmbulo na partida. Foto: Internacional/Divulgação.
Estamos no topo, perto de voltar para nosso devido lugar para não sair mais. O Inter não dorme, porém cochilou em campo e obteve um revés ontem diante do Paraná Clube. Com desfalques de William Pottker e Victor Cuesta, o time vermelho não manteve a mesma segurança na defesa e ascensão no ataque. O Paraná soube anular as peças necessárias do Inter, incluindo D’Alessandro (que seguiu no script de voltar para marcar, correr e ajudar na defesa), Dourado virou desfalque, sentiu a coxa e com isso entra Charles. E lá se vai o pneuzinho colorado perder calorias. E perdeu. Algumas calorias e o jogo.

O time todo não foi bem, é fato, o gol da equipe tricolor saiu no cochilo alvirrubro, a zaga formada por Ortiz e Danilo Silva, que mantiveram-se estagnados quanto Charles, nem ousou pular para evitar o gol. Damião precisa regular o freio da bicicleta um pouco, convenhamos. Sasha sem auxílio de Pottker é igual pinguço sem dinheiro pra cachaça, igual churrasco sem pão com alho, pagode e cerveja.

Venho observando um fato, Nico Lopez joga indignado quando começa no banco. Jogador caro, veste a 7, número pesado na história vermelha, tem futebol. Mas e a indignação? Jogador muito técnico também. Seria Nico jogador de segundo tempo? Eis a questão… E Guto é o menos culpado pela derrota, e não será sempre que o colorado irá vencer. Sem mais. Os atletas terão a semana para treinar, só um lembrete.


Hugo Severo

Compartilhe isto

Posts Relacionados