Pietro Rimbano e Raphael Reis vencem em penúltima etapa do Brasileiro de Turismo

10:24:00
19/11/2017

Em Goiânia, o Campeonato Brasileiro de Turismo teve sua penúltima etapa da temporada 2017. Nesse fim de semana, já existia a possibilidade de algum dos pilotos levarem o título, acirrando ainda mais as disputas dentro de pista.

Sábado (18/11), Corrida 1:

Na manhã de sábado, a chuva foi embora e a primeira bateria do final de semana aconteceu com pista seca. Pietro Rimbano que havia largado da quarta posição, foi aquele que deu mais trabalho para seus adversários, principalmente para o pole position, Gustavo Frigotto.




Campeonato Brasileiro de Turismo - 7a Etapa (Goiânia)
Imagem: Fernanda Freixosa/VIcar


Rimbano ultrapassou Gaetano Di Mauro e Raphael Reis logo no início da prova, e assim subiu para a segunda posição. Dai em diante, o carro #17 grudou na traseira de Frigotto e não largou mais, até assumir a liderança.

O piloto da equipe RKL Competições foi o primeiro de seu pelotão a ir pros boxes, ganhando certa vantagem sobre seus oponentes. Frigotto e Raphael Reis pararam na volta seguinte, onde o #77 levou a melhor, pulando a frente do #86.

Ainda assim, Pietro continuou na primeira posição e venceu a prova de sábado, sendo a sua segunda no ano. Gustavo Frigotto foi o segundo colocado, seguido de Vitor Baptista, esse que havia largado do nono posto, ganhando muitas posições perto do fim da corrida. Raphael Reis se envolveu em um incidente e acabou com seu carro muito avariado, fechando em P4. Marco Cozzi completou o pódio em quinto.




Pietro Rimbano - RKL Competições
Imagem: Fernanda Freixosa/Vicar

Di Mauro que vinha em um bom ritmo, foi penalizado, tendo que pagar um drive-through, terminando na décima quinta posição.



Pódio Corrida 1
Imagem: Fernanda Freixosa/Vicar


Resultado completo da corrida 1:

1. 17 Pietro Rimbano (RKL Competições) - 22 voltas
2. 86 Gustavo Frigotto (RKL Competições) - a 0.469
3. 120 Vitor Baptista (Full Time Academy) - a 0.941
4. 77 Raphael Reis (W2 Racing) - a 1.985
5. 23 Marco Cozzi (RS Motorsport) - a 2.199
6. 117 Gustavo Myasava (MRF Motorsport) - a 5.658
7. 35 Gabriel Robe (Motortech) - a 5.878
8. 1 Lukas Moraes (Nascar Motorsport) - a 7.113
9. 777 Pedro Saderi (MRF Motorsport) - a 7.917
10. 177 Luca Milani (C2 Team) - a 8.800
11. 78 Lucas Peres (L3 Motorsports) - a 11.181
12. 7 Giulio Borlenghi (Full Time Academy) - a 11.737
13. 19 Mateus Muniz (Motortech) - a 12.220
14. 33 Guto Matiazzi (L3 Motorsports) - a 12.736
15. 13 Raphael Campos (Nascar Motorsport) - a 13.901
16. 46 Tuca Antoniazzi (Motorsport) - a 14.164
17. 11 Gaetano di Mauro (W2 Racing) - a 23.836
18. 84 Fernando Croce (C.A. Competições) - a 3 voltas

NÃO COMPLETOU (75% da distância de prova)
19. 45 Giuseppe Vecci (RS Motorsport) - a 11 voltas


Via www.brasileirodeturismo.com.br
Domingo (19/11), Corrida 2:

Indo para a segunda corrida do fim de semana, o líder do campeonato Gabriel Robe iria largar da pole position, seguido de Gustavo Myasava. Raphael Reis e Vitor Baptista comporam a segunda fila.


Grid de largada - 7a Etapa, corrida 2 (Goiânia)
Imagem: Fábio Davini/Vicar

Debaixo de chuva, a largada ocorreu com safety-car e bandeira amarela, não tendo nenhum incidente. Porém, nas primeiras voltas, Pietro Rimbano e Vitor Baptista se envolveram num toque na entrada da reta principal, onde o piloto da Shell Racing levou a pior, indo parar na grama e abandonando a prova.

Durante os pits, o #77 manteve a ponta em relação ao #35 da equipe Motortech.

A grande disputa foi pela primeira posição, entre G. Robe e R. Reis. No fim, o piloto da W2 Racing venceu a prova. 


Raphael Reis - W2 Racing
Imagem: Campeonato Brasileiro de Turismo/Vicar

Gaetano Di Mauro, depois de largar da P15, soube usar seus pushs e terminou a prova na terceira posição, quase ultrapassando Robe na reta final da última volta, apenas 27 milésimos de segundo atrás do #35.
Gustavo Frigotto e Pietro Rimbano completam o pódio na quarta e quinta colocação.


Pódio Corrida 2
Imagem: Campeonato Brasileiro de Turismo/Vicar

Resultado completo da Corrida 2:

1. 77 Raphael Reis (W2 Racing) - 21 voltas
2. 35 Gabriel Robe (Motortech) - a 0.980
3. 11 Gaetano di Mauro (W2 Racing) - a 1.007
4. 86 Gustavo Frigotto (RKL Competições) - a 7.267
5. 17 Pietro Rimbano (RKL Competições) - a 16.959
6. 117 Gustavo Myasava (MRF Motorsport) - a 20.226
7. 7 Giulio Borlenghi (Full Time Academy) - a 27.547
8. 777 Pedro Saderi (MRF Motorsport) - a 36.948
9. 23 Marco Cozzi (RS Motorsport) - a 37.182
10. 177 Luca Milani (C2 Team) - a 37.648
11. 78 Lucas Peres (L3 Motorsports) - a 44.772
12. 13 Raphael Campos (Nascar Motorsport) - a 1:30.965
13. 45 Giuseppe Vecci (RS Motorsport) - a 1:36.958
14. 84 Fernando Croce (C.A. Competições) - a 1:37.050
15. 46 Tuca Antoniazzi (Motorsport) - a 1 volta
16. 19 Mateus Muniz (Motortech) - a 4 voltas
17. 1 Lukas Moraes (Nascar Motorsport) - a 5 voltas

NÃO COMPLETARAM (75% da distância de prova)
18. 120 Vitor Baptista (Full Time Academy) - a 16 voltas
19. 33 Guto Matiazzi (L3 Motorsports) - a 16 voltas



Ao término dessa 7a etapa, Gabriel Robe mantém a liderança do campeonato com 154 pontos. Di Mauro é o segundo com 120, seguido de Raphael Reis com 117.

Classificação do campeonato após a 7a etapa (TOP 10):

1. Gabriel Robe, 154 pontos
2. Gaetano di Mauro, 120
3. Raphael Reis, 117
4. Gustavo Frigotto, 115
5. Pietro Rimbano, 112
6. Luca Milani, 109
7. Marco Cozzi, 92
8. Gustavo Myasava, 92
9. Edson Coelho, 47
10. Mateus Muniz, 42



A última etapa da temporada acontece no dia 10/12, direto do Autódromo de Interlagos em São Paulo. Nesse fim de semana, haverá apenas uma corrida no domingo, onde terá a pontuação dobrada.

Acompanhe tudo o que acontece no Campeonato Brasileiro de Turismo em nossas redes sociais:



Por Vinicius de Oliveira dos Santos (Automobilismo Brasil)

Compartilhe isto

Posts Relacionados