Palmeiras vence o Santos e segue 100%? Cadê a novidade?

19:53:00

Como diria aquele ditado "É Borja ou nunca!" Pois um clássico que pode mudar a temporada com a defesa que ninguém passa, a menos que todos parem em uma jogada irregular, por uma torcida que canta e vibra, até quando seu adversário quer cobrar escanteio fora da risca, de resto é chover no molhado com grande elenco, fair play financeiro, padrão de jogo e toda estrutura disponibilizada para Roger Machado fazer seu trabalho.

O jogo foi controlado desde o inicio de forma literal, haja vista que o gol de Antônio Carlos a 2 minutos - que por sinal foi o primeiro gol do camisa 25 com a camisa alviverde -, fez nosso adversário ficar desfacelado como tem sido na temporada. Já que nem o novo Neymar, vulgo Rodrygo, entrou sem ser percebido.

O gol de Borja aos 4' da etapa final, provocou uma sensação de alívio ao centroavante e certeza de que com o tempo, a confiança retornará e gola voltarão ao nosso camisa 9.

Nem a arbitragem atrapalhando/ metendo a mão, atrapalhou a importante e convincente vitória alviverde. Enquanto teve fôlego, o ataque se portou relativamente bem. A segurança defensiva está aparecendo e o time está encorpando. É cedo para prognósticos? Sim! Mas para uma equipe 100% na temporada, o trabalho têm um início promissor.

Ah, em tempo: "Lugar de peixe é dentro do aquário!"

FICHA TÉCNICA DE PALMEIRAS 2X1 SANTOS:

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Data-hora: 4/2/2018 - 17h

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza

Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Daniel Luis Marques

Público/renda: 37.867 torcedores/R$ 2.821.680,24

Cartões amarelos: Lucas Lima, Tchê Tchê, Felipe Melo e Victor Luis (PAL); Caju, Arthur Gomes, Alison e Copete (SAN)

Gols: Antônio Carlos, 2'/1ºT (1-0); Borja, 4'/2ºT (2-0); Renato, 17'/2ºT (2-1)

PALMEIRAS: Jailson, Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins e Victor Luis; Felipe Melo, Tchê Tchê (Bruno Henrique - 36'/2ºT) e Lucas Lima (Gustavo Scarpa - 41'/2ºT); Willian, Dudu (Keno - 29'/2ºT) e Borja. Técnico: Roger Machado

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes, David Braz, Luiz Felipe (Robson Bambu - 37'/1ºT) e Caju (Rodrygo - 18'/2ºT); Alison, Renato e Vecchio; Arthur Gomes, Copete e Sasha (Rodrigão - intervalo). Técnico: Jair Ventura






Foto: Alê Cabral/AGIF







por: Diego Oliveira

Compartilhe isto

Posts Relacionados