Fórmula 1 avança nas negociações por GP em Miami, já em 2019.

18:04:00

A Fórmula 1 definitivamente não estava brincando, ao afirmar que deseja uma segunda etapa nos Estados Unidos, além da realizada no Circuito Das Américas em Austin, Texas. Os boatos de que a categoria estava negociando em três possíveis cidades norte americanas, eram verdadeiros. E uma cidade em questão, dispontou de vez para receber a categoria.

Zak Brown - nascido em Los Angeles -, Diretor executivo McLaren e um dos donos da United Autorsport, equipe que disputa competições de endurance - e esteve na disputa das 24 Horas de Daytona de 2018, Fernando Alonso e Lando Norris e Phil Hanson na squadra, já havia revelado que as negociações entre o Liberty Media Group (entenda-se Chase Carey e Sean Breatches) e a prefeitura de Miami, estavam em andamento.

Agora, os governantes de Miami discutirão nos próximos  dias, se investirão dinheiro público/buscar parcerias para a montagem de um circuito de rua, já para o período entre 2019-2028. Ou seja, está nas mãos do governantes locais ida ou não da F1. Se depender do lado da categoria mais famosa do mundo motor, tudo ocorrerá bem. A categoria e seus diretores já fizeram todos os lobby's necessários. Resta agora o outro lado da questào responder.

Caso Miami confirme a chegada da F1, cederá novamente um evento de monopostos, desde 2015. Foi a Fórmula-E quem esteve na cidade, num e Prix vencido por Nico Prost. Já por outras categorias, a Indy cediou a última prova, em 2010 no circuito oval de Homestead, e em circuito de rua, em 2003, no Bayfront Park.

Atualmente, apenas a NASCAR  e a FARA Endurance competem na cidade, mas nos traçados oval e permanente respectivamente do Homestead Motor Speedway. Já circuitos temporários/de rua, nenhuma categoria disputa provas, pelo menos até o momento.








Foto: Getty Images





por: Leonardo Bueno

Compartilhe isto

Posts Relacionados