Opinião: agora é hora do São Paulo vencer novamente

12:55:00
Torcida do São Paulo terá ingressos mais baratos no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)
Torcida do São Paulo terá ingressos mais baratos no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)

Diante do Fluminense, o São Paulo não fez um mau jogo, chegou muito perto de ter saído com a vitória - e novamente tomou gol no fim, situação já vivida  em outros jogos, mas como o Corinthians que poderia chegar a 9 pontos, também perdeu e vários foram os empates na rodada, o prejuízo não foi tão grande no geral - terminou com 5 pontos (uma vitória e dois empates), em sexto lugar, embolado com vários times e o Flamengo é o líder com 7.

Helinho vai renovar contrato com o São Paulo (Foto: Igor Amorim / saopaulofc.net)
Helinho vai renovar contrato com o São Paulo (Foto: Igor Amorim / saopaulofc.net)

Antes quando o técnico era Dorival Júnior, ele falava que o time estava "evoluindo" e ninguém via, agora com Aguirre, em dez jogos, mesmo que sejam poucos para analisar, vê-se uma mudança de postura, que o time toma poucos gols, os laterais - obviamente Edimar é exceção por não ter papel ofensivo - participam mais da criação das jogadas, Nene está sendo protagonista no meio e até fazendo seus gols, mas sim, antes que me cobrem, o ataque anda devendo demais e Jucilei e Petros estão sobrando como volantes.

O assunto da semana foi o "rebaixamento" de Brenner à base tricolor, por não o considerarem pronto, mas o jogador venceu a "queda de braço" dizendo estar há um ano no profissional e considerar um retrocesso isso: o jogador tem 18 anos, também acho que a comissão técnica deveria ter deixado ele na base mais um ano - foi revelado ano passado ainda com Rogério Ceni -, mas voltar à base agora seria estupidez, nem tanto por facilidade ou dificuldade de vender, que supostamente foi o que ele alegou a Raí, executivo do clube - conforme consta na coluna do Jorge Nicola no Yahoo Esportes -, mas principalmente pela parte do preparo físico, que todos sabemos que a diferença é muito maior no profissional e ele não teria na base: esse vai e volta adiantaria do quê? Resolveria para quem??? Para o jogador, não, torcida também não.

Falando em base, mais um jogador da base tricolor aos poucos vai ganhar seu espaço: Helinho (foto acima), atacante canhoto, disputou Mundial Sub-17 ano passado, está na fase de transição pro profissional e vai renovar contrato por 5 anos, o atual venceria em novembro de 2020, diferente de Militão que o clube tenta vender agora no meio do ano para evitar que saia de graça.

Sábado no Morumbi, o São Paulo enfrenta o Atlético-MG, pela quarta rodada do BR-17: com poucos desfalques, o time tricolor parte em busca de nova vitória para poder se manter perto dos líderes do campeonato!

Rumo à vitória, São Paulo!

                                                                               
                        Equipe São Paulo: Twitter | Facebook
                              por @ManoelRocha4 

Compartilhe isto

Bacharel em Direito, acompanha futebol desde sempre e dá seus pitacos quando é e quando não é chamado. Ama o S.P.F.C. incondicionalmente e despreza os rivais, a menos que estejam em boa fase, nesse caso, os odeia.

Posts Relacionados