Qual Lucas Lima o Palmeiras contratou?

11:29:00

Desculpe o incômodo, mas precisamos falar de Lucas Lima!

Nosso camisa 20 que chegou com esperança de uns e cornetas de outros - porque falou muito sobre nossa torcida no passado - fez um grande jogo diante do triunfo diante do Bahia, após ficar no banco no ultimo jogo pela libertadores.

Diferentemente das últimas apresentações, nesse jogo em específico, deu enfiadas de bola, foi mais solidário na marcação, deu até carrinho, e se mostrou muito mais solidário para a equipe. Ajudou a dar nova dinâmica para a equipe. Algo não visto nos últimos jogos em que ele deu passes de lado, sem nenhuma objetividade.

Mas afinal de contas: Qual é o verdadeiro Lucas Lima que o Verdão contratou? Aquele que jogou muita bola contra o Boca Juniors na 'La Bombonera' e diante de Corinthians na partida de ida das finais do Campeonato Paulista? Ou aquele que foi mal em algumas outras pelejas na temporada? Muitos se questionam sobre o desempenho de LL20, e se de fato ele vingará, diante de uma oscilação individual que para muitos, está acima da aceitável.

Nesse ano foram 27 jogos, 8 assistências e 2 gols (Santo André no 1° jogo oficial sa temporada e diante do Boca Jrs. pela Libertadores). Com números razoáveis, mas com margem para evoluir.

Suas chances de integrar a lista ao menos de 35 nomes de pré-lista da Copa Do Mundo,  foram jogadas fora por suas más atuações. Mas o sonho de ir para Europa ainda está vivo e só depende exclusivamente dele, até porque o jogador também precisa melhorar seu currículo que conta só apenas alguns títulos estaduais.

Algo que percebi vendo os jogos recentes do nosso meia canhoto, é que com Dudu jogando mais posicionado pelp lado esquerdo do gramado, Lucas rende menos por estar em setor povoado. Já que o  camisa 7 ao estar nessa faixa do campo, entra em diagonal ou se direciona para o meio ou lado direito das jogadas. Lima rende mais quando o setor do meio está com espaços e pontas que abrem bastante espaços entre linhas de marcação do adversário. Muito se fala de LL atuar como meia articulador ou próximo ao atacante mais avançado, vindo buscar jogo. A segunda opção é onde ele teoricamente rende mais para a equipe - cenário visto no passado de sua carreira -. Mas cabe a Roger Machado sanar esse problema e ajudar a diminuir com tal oscilação, e aumentar consistência em posicionento campo. Já que dentro de campo, apenas o jogador pode dar a resposta.

O que nos resta é apoiar e torcer para que atuações como o do último sábado (19), seja rotineiro. E que o nosso meia tenha liberdade e renda o que é capaz. É um grande jogador, que com cabeça no lugar e foco pleno, terá muito mais para agregar ao Palestra.







Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press








por: Pablo Novelli

Compartilhe isto

Posts Relacionados