Modo full pistola! Ceará 2x2 Palmeiras.

08:37:00

É inadimissível uma equipe com a qualidade técnica do Palmeiras, administrar resultado com 30' de jogo.  Sofrer gols de cruzamentos, com falhas individuaia é dose para mamute. E digo mais...


Jean fora de rítimo - não começava uma partida como titular há nove meses -, até foi bem. Diante das adversidades físicas e de rítimo de jogo. Mas é inaceitável ver Lucas Lima andando em campo - em especial no 2° tempo -. Assim como LL, a equipe caminhou em campo na etapa final. Se viu tomar um gol no crepúsculo da partida. Pagou caro por achar que estava tudp sob controle. Não pode! Menosprezou o adversário. Achou que venceria a qualquer momento, e no fim perdeu doia pontos cruciais na luta pelo Deca campeonato brasileiro. E mesmo que quatro pontos como visitante, seja bom pata duas partidas em sequência, fica o sentimento de frustração. Poderiam ser seis pontos ao invés de quatro. Estaríamos em 2°, ao invés de 6°, e poderíamos seguir firmes e pujantes na caça ao líder.


Poderia...


Mas não ocorreu. Depois de uma atuação de gala contra o Grêmio, uma atuação de coma diante do Ceará. A equipe cearense jogou em seu limite. Coisa que o Palmeiras não fez. Jogou 30 minutos de forma competitiva, e abdicou de jogar nos outros 65. E diferentemente do que Roger Machado achou, o Palmeiras jogou MUITO MAL diante de um virtual rebaixado a série B em 2019.


Qual é o real time de Roger Machado? O que venceu o Grêmio? Ou o que empacou no Ceará? Essa falta de desempenho irrita, e preocupa o torcedor para a sequência da temporada. Que haja uma resposta na quarta-feira. Ou a jiripoca piará durante a pausa da Copa do Mundo.

PALMEIRAS: Jailson; Marcos Rocha, Edu Dracena, Thiago Martins e Victor Luis; Thiago Santos, Jean, Lucas Lima(Mayke) e Hyoran(Moisés) Dudu(Arthur) e Willian. Técnico: Roger Machado.









Foto: Cesar Greco










por: Leonardo Bueno

Compartilhe isto

Posts Relacionados