São Paulo apresenta novas camisas e acerta últimos detalhes para enfrentar o Flamengo

22:47:00
Aloisio posa com novo uniforme do São Paulo, ao lado do ídolo (e ex-jogador) Kaká, Nenê e outros jogadores do atual elenco (Foto: Marcos Ribolli)
Aloisio posa com novo uniforme do São Paulo, ao lado do ídolo (e ex-jogador) Kaká, Nenê e outros jogadores do atual elenco (Foto: Marcos Ribolli)

Depois da parada para a Copa do Mundo, o torcedor tricolor foi vendo aos poucos as notícias sobre o clube ganharem força: contratação do meia direita  equatoriano Joao Rojas e do lateral-direito Bruno Peres (este último por empréstimo da Roma-ITA até dezembro de 2019 com possibilidade de compra), além da disputa de jogos-treino contra o Red Bull - os titulares empataram por 1x1 e os reservas venceram por 1x0, gol de Gonzalo Carneiro -, além de jogos contra a equipe sub-20 e de aspirantes do time e jogos-treino que os titulares venceram o São Bento por 1x0 e os reservas o São Caetano pelo mesmo placar - o primeiro foi na quarta à noite e o segundo horas às 9h, horas antes da Adidas lançar as novas camisas do clube - .

Kaká e Aloísio Chulapa com torcedores no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)
Kaká e Aloísio Chulapa com torcedores no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)

A uma semana de enfrentar o Flamengo na volta do Brasileirão, o São Paulo ao mesmo tempo que estava realizando jogos-treino para aumentar o entrosamento da equipe - e devolver ritmo de jogo -, a Adidas, fornecedor de material esportivo do clube, resolveu lançar as novas camisas de jogo do time para a temporada - no fim do mês passado, já tinha lançado a de treino -.

Kaká e Aloísio Chulapa comandaram o evento no Morumbi, mostrando as novas camisas 1 e 2 do time, além das de goleiro: particularmente eu achei as camisas lindas, embora muito torcedor tricolor novamente tenha criticado e ainda me pergunto o motivo de tanta acidez: se é outro fornecedor, querem Adidas, conseguiu Adidas, nada está bom e por aí vai...

Kaká apresenta evento dos novos uniformes do São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)
Kaká apresenta evento dos novos uniformes do São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)

O torcedor tanto quis as faixas no peito - reclamação antiga e justa, aliás, para que os patrocinadores não ficassem acima do distintivo do clube - e conseguiu isso.

Assim como o clube se prepara para o confronto contra o Flamengo, apresentando uniforme novo e contratando reforços, sem ocorrer o desmanche do time - parabéns não só à diretoria de futebol comandada por Raí, Ricardo Rocha e Lugano, mas porque não estender a Leco, que teve um pouco de "lucidez" (se  é que se pode dizer isso dele diante de tudo que ocorreu antes) por mudar de postura e permitir que o time continuasse evoluindo.

O clube já tinha vendido Petros para o futebol árabe e concretizou a venda de Cueva para o Krasnodar (RUS) por 8 milhões de euros - pode chegar a 10, com bonificações - e agora  totalizou aproximadamente esse ano 100 milhões de reais em vendas de jogadores, mas diferentemente do ano passado, sempre com aqueles que estavam na reserva ou até mesmo não vinham sendo utilizados, de modo que a espinha dorsal do time seja mantida: com as vendas, abre-se espaço não só para futuras contratações, como também para revelação de novos jogadores da base.

Rumo à vitória, São Paulo!

                                                                               
              Equipe São Paulo: Twitter | Facebook

Compartilhe isto

Bacharel em Direito, acompanha futebol desde sempre e dá seus pitacos quando é e quando não é chamado. Ama o S.P.F.C. incondicionalmente e despreza os rivais, a menos que estejam em boa fase, nesse caso, os odeia.

Posts Relacionados

Mais Recentes